sábado, 25 de agosto de 2012

Corpo de Daisy Cruz será enterrado neste sábado em Carazinho


O corpo de Daisy Cruz, 24 anos, será velado e enterrado neste sábado, em Carazinho, cidade onde a jovem nasceu. O corpo foi removido do Departamento Médico Legal de Caxias no início da manhã de sábado.

Ela estava desaparecida desde segunda-feira e o seu corpo foi localizado sexta-feira pela Polícia Civil depois que o motorista da Visate Marcelo Sidinei Pires, 30 anos, confessou informalmente o assassinato e revelou onde escondeu o cadáver.

O corpo de Daisy será velado na Capela Adam e o sepultamento, no Cemitério Público Municipal, está marcado para às 17h30min.

Foto: Arquivo pessoal, divulgação

Entenda o caso 
:: A frentista Daisy Cruz, 24 anos, estava desaparecida desde a tarde de segunda-feira, dia 20 de agosto de 2012. As primeiras informações indicavam que, por volta das 14h50min daquele dia, moradores do bairro Cidade Nova, onde ela reside com os tios e uma prima, viram Daisy gritando dentro do carro do homem por quem teria um relacionamento, o motorista da Visate Marcelo Sidinei Pires, 30 anos. 

:: Na segunda-feira, de acordo com testemunhas, logo após Daisy sair de casa para ir ao trabalho, Pires teria a abordado em uma rua do Cidade Nova. Já no Astra, a jovem teria gritado por ajuda, mas o motorista conseguiu levá-la com ele 

:: Um tio da frentista comunicou o sumiço à polícia ainda na segunda-feira :: No domingo, a frentista e o motorista teriam encerrado um relacionamento amoroso que durou cerca de três meses. A frentista teria desistido do namoro ao descobrir que o motorista era casado. 

:: Na manhã de terça-feira, dia 21 de agosto, Pires se envolveu em um acidente de trânsito na BR-116. Na colisão entre o ônibus que ele dirigia e um caminhão, morreu o caminhoneiro Eligio José Echer, 50. Após o acidente, Pires foi internado no Hospital Pompéia 

:: Na quinta-feira, dia 23 de agosto, três testemunhas apontaram, em depoimento na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, a suspeita de que o motorista seria o responsável pelo desaparecimento da frentista 

:: Nesta sexta-feira, dia 24 de agosto, Pires recebeu alta do hospital e confessou envolvimento no desaparecimento da jovem em depoimento à Polícia Civil no final da tarde. 

:: No começo da noite de sexta-feira, dia 24 de agosto, o corpo da frentista foi encontrado no caminho para a Linha 40.Corpo de Daisy Cruz será enterrado neste sábado em Carazinho Maicon Damasceno/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário